Esmalte Vermelho

Longa-metragem


Status: Captação de Recursos
Direção e Roteiro: Rodrigo Bittencourt
Produção Executiva: Angelisa Stein / Denise Bernardes 
Supervisão Artística: Roberto Farias
Coprodução: Valkyria Filmes e Leblon Filmes 

Gênero: Drama
Idioma: Português
Duração: 100 min aprox.

Filmagens: 2º semestre de 2018
Lançamento comercial: 1º semestre de 2019
Orçamento: estimado em R$ 5.119.520,00




Esmalte Vermelho

SINOPSE
Adaptação do romance homônimo “Esmalte Vermelho”, o filme conta a história de um “Don Juan” suburbano tão fascinado pelas mulheres, que se torna cada vez mais feminino até aceitar sua própria transexualidade.
Realidade e ilusão se fundem nesse drama, sem julgamentos ou preconceitos, cujo tema é absolutamente atual e relevante no mundo em que vivemos.  


DIRETOR E ROTEIRISTA: RODRIGO BITTENCOURT

Rodrigo Bittencourt é um multitalentoso artista: diretor de cinema e tv, roteirista, escritor, músico e compositor. Ele escreveu e dirigiu os seguintes curtas:

“Por acaso Gullar” (2006), selecionado para Festival do Rio e Festival de Cinema de São Paulo.

“Procurando Jorge Mautner” (2007), selecionado para o Festival de Cinema de São Paulo. Esse curta documentário, mais tarde, tornou-se um programa de tv, também escrito e dirigido por Bittencourt;

“Algum dia baby blues” (2009), prêmio de melhor ator no Festival de Cinema de Cabo Frio;

“Who´s gonna f**k my wife” (2010), selecionado para o London Film Festival, Brazilian Film Festival of Miami e Festival de Cinema de São Paulo e “Hiato” (2010).

Em 2012, escreveu e dirigiu seu primeiro longa-metragem, “Totalmente inocentes”. O filme foi a 5a maior bilheteria do cinema brasileiro naquele ano, vendendo mais de meio milhão de ingressos ao redor do país. Uma notável bilheteria para um novo diretor.
Em 2016, dirigiu “Real – O plano por trás da história”, um thriller político sobre o grupo de economistas que criaram e implementaram o “Plano Real”, atual plano econômico brasileiro adotado desde 1993.
Em outubro de 2017, iniciou as filmagens de seu terceiro longa-metragem intitulado “Missão Cupido”.
Além disso, também escreveu 2 livros: “Esmalte vermelho” (2008), publicado pela editora Lingua Geral, e “Ópera Brasil de Embolada” (2010).